A homenagem de Neil Young aos mortos da Universidade Estadual de Kent, em Ohio

Image and video hosting by TinyPic

A Universidade Estadual de Kent, uma das maiores do Estado de Ohio, Estados Unidos, foi alvo da imprensa mundial durante o mês de maio de 1970 (especialmente no dia 4). Após váios dias de manifestações estudantis contra os ataques militares estadunidenses ao Camboja (leia-se Guerra do Vietnã), a Guarda Nacional invadiu o campus e matou a tiros quatro estudantes, ferindo outros nove.

O exército se deslocou até a região de Kent depois de vários protestos (dentro e fora da universidade) que começaram a ficar violentos, com distúrbios que chegaram no centro da cidade (um prédio das Forças Armadas chegou a ser incendiado).

Conhecido como Kent State Shootings, o incidente resultou no fechamento de vários campi universitários no país, em protesto pela ação policial em Kent.

Neil Young compôs a faixa “Ohio” a partir de suas memórias em relação ao ocorrido. A gravação oficial foi feita pelo supergrupo Crosby, Stills, Nash & Young. Outros jovens que estiveram no Kent State Shootings também expressariam seus traumas através da música. Chrissie Hynde, na época estudante da universidade, formaria o The Pretenders. Mark Mothersbaugh e Jerry Casale, que também estavam no campus, formariam a banda Devo, baseada no conceito de “De-Evolution” (Des-Evolução ou simplesmente “regressão da raça humana”).

Abaixo, vocês ficam com a íntegra de “Ohio”, com Crosby, Stills, Nash & Young.